Cadáveres

Os cadáveres. De uma maneira assim, bastante geral, os cadáveres encontram-se irremediavelmente mortos. Ou seja, não se movem, não se reproduzem, não comem e, especialmente, não assistem futebol na TV domingo à tarde, tomando cerveja e fazendo rodelas com as latinhas no verniz da mesa da sala.

Quer dizer, os cadáveres são seres primitivos e altamente previsíveis, dos quais até mesmo um pobre coitado de um débil mental fugido de um manicômio qualquer consegue se desvencilhar sem muitos problemas.

Então, por que cargas d’água a gente fica completamente paralizado quando topa com um deles assim, no meio do corredor de um hospital, como aconteceu comigo ontem à tarde?

Veja bem, nem noite era, horário mais propício aos poucos cadáveres recalcitrantes que insistem em caminhar por aí em alguns antigos filmes de terror ou em pesadelos de crianças ou adultos menos dotados. Não. Era uma tarde ensolarada e calourente, típica desses nossos modorrentos e tristes trópicos. Estava eu andando por ali, vasculhando os corredores do hospital à procura de uma máquina de coca-cola quando, ao dobrar um dos seus muitos cruzamentos, topei com ele: o dito cadáver. E, devo adiantar, não se tratava de um cadáver de todo feio. Era um cadáver até que bastante digno em sua cadaveridade. Nada de sangue, pústulas ou membros amputados. Apenas um cadáver, provavelmente já de banho tomado para sua última viagem, solitário em sua sapiência de conhecer um segredo o qual nenhum de nós, os vivos, ainda sabe ou virá um dia a saber.

Fiquei olhando para ele e, ouso dizer, tive a impressão de que também era observado. Dois seres tão iguais em sua anatomia e, ao mesmo tempo, tão diferentes em sua essência.

Cada qual por uma razão paralisado em frente ao outro numa esquina dessa vida que se torna, a cada dia que vivemos, mais estranha e assustadora.

image

postado do tablet transformer

Uma resposta

  1. HAHAHAHAHAHA, EU EMMMMM…CONFESSA QUE SE ASSUTOU SEU CAGÃO.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: