Ovo faz bem ou faz mal?

Não sei o que é. Deve ser a idade. Mas é simplesmente inacreditável como algumas pessoas ainda teimam em ter ideais políticos, e fazem campanhas apaixonadas por uns ou outros candidatos. Porque, eu vou falar uma coisa para vocês. Com o volume de informações que a gente recebe hoje em dia, não dá para entender como alguém consegue ter certeza de alguma coisa. E, para não ficar só na política, um exemplo bom é o ovo.

O ovo já foi o grande vilão da saúde. Não faz muito tempo, lá pelos anos 90, o ovo era considerado um dos maiores causadores de doenças cardíacas. Os cientistas diziam que dar ovos para as crianças era quase um crime, pois estaríamos condenando-as a terem hipertensão para o resto de suas vidas. Pois não se passaram 20 anos para os médicos começarem a perceber que nada disso era verdade.

Numa das pesquisas mais recentes, realizada pela Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, os cientistas demonstraram não haver relação alguma entre o consumo regular de ovos e o aumento da incidência de doenças cardiovasculares, como infarto e derrame. Não houve diferença entre aqueles que comiam um ovo ou mais por dia em comparação com quem não comia nenhum. E mais. Uma outra pesquisa americana, realizada no ano passado, concluiu que comer ovos mexidos no café da manhã é uma maneira eficiente de… emagrecer!

É, isso mesmo. Comer ovos emagrece.  O médico Nikhil Durandhar, da Universidade Estadual da Louisiana, comparou dois grupos de mulheres em dieta para emagrecer. Um dos grupos comeu dois ovos mexidos no desjejum. O outro, alimentos à base de carboidratos, como pães, torradas e bolos. E, ao final de dois meses, aquelas mulheres que optaram pelos ovos emagreceram 65% mais do que as outras.

E é a mesma coisa na política. Não faz nem 15 anos, todo mundo tinha medo do PT. O que mais se ouvia era que eles não iam pagar a dívida externa, iam implantar o socialismo e fazer a economia brasileira afundar. E, hoje, segundo o “Datafolha”, o Lula atingiu quase 80% de popularidade, um recorde histórico, e a Dilma está prestes a ganhar a eleição já no primeiro turno. Quer dizer. Quem era o diabo ontem, virou o santo de hoje. E vice-versa.

Tudo bem. Todo mundo tem direito a mudar de opinião. Mas eu, por via das dúvidas, não como mais ovos nem a pau. Vai que esses cientistas mudam de idéia novamente, né?

Uma resposta

  1. […] Ovo faz bem ou faz mal? agosto, 2010 […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: