Mas que calor está fazendo lá fora…

Quando eu falava que a vida era um inferno, e que a tendência era piorar, não era exatamente isso que eu estava querendo dizer. Mas serve. Meu deus do céu. Que calor que anda fazendo. A água já sai quente das torneiras. A sombra das árvores está quente.  Até mesmo a chuva, quando cai, cai quente. Só para você ver uma coisa, outro dia desses eu fui fazer uma mamadeira para o meu neto e acabei esquecendo  o leite um pouco mais no fogo, e ele acabou fervendo. Então, eu coloquei a leiteira em cima da pia para o leite esfriar um pouco. De vez em quando, eu ia lá, pegava uma colher, colocava um pouquinho de leite no meu pulso (aprendi o truque com a minha mãe) para ver se já estava no ponto. E não estava. Ainda estava quente. Muito quente. Capaz até de fazer bolhas na boca do nenê. Passou mais ou menos umas duas horas, e eu desisti. A impressão que eu tinha era que o leite ali, deixado à temperatura ambiente, estava mais era esquentando, se você quer saber. Acabei por enfiar a caneca no freezer e, enquanto esperava, cogitei seriamente em pegar meu travesseiro e entrar ali dentro também.

Mas, pior que essa quentura toda, é ter de aguentar todo mundo que entra no escritório reclamando do calor. Não sei se é falta de assunto, ou o que é. Mas não tem um que não entre por aquela maldita porta e não comece a conversa com um “- Mas que calor está fazendo lá fora!”.  Outro dia desses eu não aguentei. Foi uma vendedora entrar e começar a reclamar “- Mas que calor está fazendo lá fora!” que eu respondi assim, de bate pronto “- Ué, aqui a gente não está sentindo não, será que não é você que está na menopausa?”.

E esse é um dos problemas do calor. A gente fica extremamente irritado. Não sei se existe alguma pesquisa a respeito, mas eu aposto que no verão o número de brigas, agressões e assassinatos deve aumentar exponencialmente a cada grau que os termômetros sobem. Tanto é que, quando alguém pensou num lugar onde todos os pecados da humanidade seriam devidamente penitenciados, imaginou um lugar muito quente, com fogueiras, lava de vulcão e muito óleo fervente sendo derramado. Um lugar extremamente quente.

Um verdadeiro inferno.

There are no comments on this post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: